Bem vindo à página do Teatro Viriato

Clique aqui para voltar à página principal

Principais opções do site

Imagem do espectáculo em destaque

terminal6

Informação do espectáculo em destaque

TERMINAL (O ESTADO DO MUNDO)

07 JUNHO'24

Escolha de idioma

PT  |   EN    
PROGRAMAÇÃO
#
45 min.
qui 10h30 e 15h00 · Escolas (Pré-Escolar e 1º ciclo)
sex 19h00 · Famílias (m/ 3 anos)

Sala de Espetáculos
preços únicos: 2,50€ (Escolas) · 4€ (Famílias) // descontos não aplicáveis
MÚSICA-TEATRO
MÚSICA-TEATRO | 08 e 09 OUT 2020
ASSIM DEVERA EU SER
de CATARINA MOURA, CELINA da PIEDADE, SARA VIDAL e RICARDO SILVA

Do que gostava mesmo de ver era aquelas raparigas muito bem arranjadas a serem muito amadas. Pintava-me com papel grosso que quando molhado deita tinta. Fazia umas rosetas na cara, punha uns lenços na cabeça, e punha-me a cantar e a representar frente ao espelho. Tenho o sonho de ser ARTISTA.

“Assim Devera eu Ser”


Este espetáculo musical ca(o)nta a infância da Amália através dos versos que ela mesmo escreveu e das belíssimas ilustrações da Cátia Vidinhas.

Os criadores e intérpretes Catarina Moura, Celina da Piedade, Sara Vidal e Ricardo Silva juntaram-se para dar a conhecer ao público mais jovem algumas histórias de uma das mais importantes fadistas portuguesas.

Com eles, entramos no tempo da história da Cigarra e da Formiga, quando cantar não era profissão, cantava-se para ganhar a vida. Mesmo assim, pobre, Amália-Menina não foi como a Cigarra, em vez de ir à escola, Amália-Formiga-Menina foi bordadeira, bordava linhas e palavras, palavras do mundo do fado, mas também de outros mundos sonoros e musicais, cantava os Poetas, outras vezes cantava-se a si, Amália herdeira da poesia popular de raiz oral.

Um espetáculo que desafia o público a aprender as cantigas da Amália menina bordadeira e da Amália mulher fadista. E tão bem que ela cantava!


Folha de sala (aqui)


_____
Os bilhetes previamente adquiridos mantêm-se válidos para a nova data. 
Caso pretenda reembolso ou troca de bilhete para outro espetáculo deve entrar em contacto com a bilheteira do Teatro Viriato através do número 232 480 110 ou através do e-mail: bilheteira@teatroviriato.com até 5 dias antes deste espetáculo.

Cocriação e interpretação Catarina Moura (voz), Celina da Piedade (voz e acordeão), Sara Vidal (voz e harpa) e Ricardo Silva (guitarra portuguesa) 
Encenação/dramaturgia José Rui Martins, a partir da biografia “Amália”, de Vítor Pavão dos Santos 
Consultoria musical Amélia Muge 
Seleção de poemas e adaptação musical Amélia Muge, Catarina Moura, Celina da Piedade, José Martins, Ricardo Silva e Sara Vidal (a partir dos poemas de Amália Rodrigues e cancioneiro tradicional português) 
Ilustração e animação Cátia Vidinhas 
Vídeo Eduardo Pinto e Luís Pedro Madeira
Figurinos Cláudia Ribeiro 
Produção executiva Tarrafo - Associação Cultural 
Coprodução CCB/Fábrica das Artes, Teatro Viriato e Cine-Teatro Louletano 
Agradecimento Escola da Noite-Teatro da Cerca de São Bernardo e Lameirinho 
Uma encomenda CCB/Fábrica das Artes

Copyright do site

© 2010 Teatro Viriato - Todos os direitos reservados.   |    SUBSCREVA NEWSLETTER   |   política de privacidade   |   mapa do site   |   contactos   |   perguntas frequentes   |   
menu

Símbolo de site acessível

|  

Site desenvolvido por Seara.com