Bem vindo à página do Teatro Viriato

Clique aqui para voltar à página principal

Principais opções do site

Imagem do espectáculo em destaque

terminal4

Informação do espectáculo em destaque

TERMINAL (O ESTADO DO MUNDO)

07 JUNHO'24

Escolha de idioma

PT  |   EN    
PROGRAMAÇÃO
ÓPERA
ÓPERA | 11 FEV 2022
O HOMEM DOS SONHOS
de ANTÓNIO CHAGAS ROSA | a partir do conto homónimo de Mário de Sá-Carneiro | Coprodução Teatro Viriato
11 FEV
sex 21h00 | 75 min. aprox. | m/ 12 anos
local Sala de Espetáculos
preço A: 10€ (plateia e camarotes)/ 7,50€ (frisas frontais)/ 5€ (frisas laterais) // descontos aplicáveis


Eu dominei os sonhos. Sonho o que quero. Vivo o que quero.

«Nunca soube o seu nome. Julgo que era russo, mas não tenho a certeza. Conheci-o em Paris, num Chartier gorduroso de Boul’Mich, nos meus tempos de estudante falido de Medicina. Era um espírito original e interessantíssimo; tinha opiniões bizarras, ideias estranhas — como estranhas eram as suas palavras, extravagantes os seus gestos. Aquele homem parecia-me um mistério. Não me enganava, soube-o mais tarde: era um homem feliz. Não estou divagando: era um homem inteiramente feliz — tão feliz que nada lhe pode aniquilar a sua felicidade. Eu costumo dizer, até, aos meus amigos que o facto mais singular da minha vida é ter conhecido um homem feliz.»
MÁRIO DE SÁ CARNEIRO, “O Homem dos Sonhos” 

O libreto desta ópera é escrito pelo compositor António Chagas Rosa a partir do conto homónimo “O homem dos sonhos”, de Mário de Sá-Carneiro, escrito em 1913, em Paris. A ópera constrói-se em sete cenas, sempre intercaladas por interlúdios instrumentais e foi escrita para um soprano com uma poderosa expressão dramática, o “alter-ego” do poeta que encarnará o próprio homem dos sonhos, um barítono - o narrador (poeta) e um ensemble instrumental de dez músicos. Com uma temática sempre visionária e intemporal pelo que tem de evasivo e por resumir por um lado a eterna insatisfação humana e a sua continua obsessão em transcender os seus limites. Por outro lado, o fascínio premonitório e estruturante do próprio sonho, já que é ele afinal que modela e guia o ser humano na sua marcha existencial, enquanto sociedade global e enquanto indivíduo. 


Música e libreto António Chagas Rosa
Direção musical Jan Wierzba
Encenação Miguel Loureiro
Figurinos João Telmo
Cenografia André Guedes
Desenho de luz Daniel Worm

Intérpretes 
O Homem dos Sonhos Catarina Molder (soprano)
Narrador Christian Luján (barítono) 

Ensemble MPMP
piano Pedro Vieira de Almeida e Dana Radu
violino Daniel Bolito
violoncelo Ângela Carneiro
clarinete Miguel Costa
saxofone Miguel Polido
trombone Hugo Pedrosa
tuba João Aibeo
acordeão Fernando Brites
contrabaixo Samuel Pedro
percussão Cristiano Rios

Agradecimentos Museu Nacional de Arte Antiga, Orquestra Metropolitana, Junta de Freguesia de Santa Maria Maior
Mecenas Caixa Cultura
Produção Ópera do Castelo
Coprodução São Luiz Teatro Municipal, Teatro Viriato, Teatro Municipal da Guarda e Cine-teatro Avenida


Copyright do site

© 2010 Teatro Viriato - Todos os direitos reservados.   |    SUBSCREVA NEWSLETTER   |   política de privacidade   |   mapa do site   |   contactos   |   perguntas frequentes   |   
menu

Símbolo de site acessível

|  

Site desenvolvido por Seara.com