Bem vindo à página do Teatro Viriato

Clique aqui para voltar à página principal

Principais opções do site

Imagem do espectáculo em destaque

nant1

Informação do espectáculo em destaque

NANT - Novas Ações, Novos Tempos
14 a 29 JAN'22 

Escolha de idioma

PT  |   EN    
PROGRAMAÇÃO
EXPOSIÇÃO / CAFÉ DO TEATRO
EXPOSIÇÃO / CAFÉ DO TEATRO | 17 JAN | 01 ABR 2022
MULHERAGEM
Comemoração do 1 000 059.º Aniversário da Arte | com ilustrações de Ana Biscaia, Beatriz Rodrigues e Rosário Pinheiro
seg 19h00 inauguração 
horários de visita seg a sex 08h00 às 19h00
LOCAL Café do Teatro 
Acesso gratuito


1 000 059.º Aniversário da Arte
Segundo o artista francês Robert Filliou, seguidor da corrente artística Fluxus, a 17 de janeiro de 1963, o dia do seu nascimento, a arte celebraria um milhão de anos. Segundo o artista, a arte nascera no momento em que alguém deixou cair uma esponja seca numa tina com água. Desde então, artistas celebram este dia um pouco por todo o mundo, com arte-postal, festas, (re)encontros, exposições e conversas.


A 17 de janeiro de 1974, o artista multimédia Ernesto de Sousa organizou uma festa comemorativa do 1 000 011.º Aniversário da Arte em Portugal, no Círculo de Artes Plásticas de Coimbra (CAPC).

A 17 de janeiro de 2021, abrimos a temporada do Teatro Viriato com a tradição Fluxus de celebrar o Aniversário da Arte, na companhia de parceiros de longa data como o Cine Clube de Viseu, o Museu Nacional Grão Vasco, o Vale do Côa ou a ZDB, com uma mão cheia de artistas que ocuparam o palco com concertos, espetáculos, leituras e happenings que acabaram por ser transmitidos online por causa de um segundo período de quarentena nacional devido à pandemia por Covid-19.

Este ano voltamos a celebrar em Viseu o Aniversário da Arte, desta feita em parceria com o Círculo de Artes Plásticas de Coimbra e o Café do Teatro. Convidámos três ilustradoras da região centro (Ana Biscaia, Beatriz Rodrigues e Rosário Pinheiro) a desenharem retratos das suas autoras femininas e feministas de eleição, para expormos no Café do Teatro (atualmente com 13 retratos de 13 escritores homens em painéis de azulejos). A exposição “Mulheragem” (porque lhe chamar uma homenagem?) será ainda acompanhada de cartas de mulheres autoras, a outras autoras de sua eleição num diálogo entre gerações, estilos, geografias e vontades.

Ocupando o espaço público com imagens de heroínas, responsáveis pela nossa emancipação, libertação e lugar no mundo, contamos contribuir para recontar e relembrar múltiplas histórias de tantas heroínas que por vezes ficam na sombra, ofuscadas pela promoção dos heróis e artistas (frequentemente masculinos) do cânone oficial.


Algumas ilustrações que pode encontrar na exposição 


ARTISTAS dos retratos da “Mulheragem” 
Ana Biscaia (Ilse Losa, Maria Lamas, Maria Keil e Matilde Rosa Araújo), 
Beatriz Rodrigues (Ana Hatherly, Clarice Lispector, Hilda Hilst e Maria Velho da Costa) e 
Rosário Pinheiro (Agustina Bessa Luís, Judith Teixeira, Sophia de Mello Breyner Andresen e Natália Correia) 

Autoras das cartas 
Sara Barros Leitão, Marta Bernardes, Joana Bértholo, Rita Taborda Duarte, Inês Fonseca Santos, Raquel Nobre Guerra, Sílvia Prudêncio, Isabela Figueiredo, Joana Bértholo, Patrícia Reis, Catarina Machado, Patrícia Portela, Alva Ramalho 

Montagem exposição Rui Pedro


Copyright do site

© 2010 Teatro Viriato - Todos os direitos reservados.   |    SUBSCREVA NEWSLETTER   |   política de privacidade   |   mapa do site   |   contactos   |   perguntas frequentes   |   
menu

Símbolo de site acessível

|  

Site desenvolvido por Seara.com