Bem vindo à página do Teatro Viriato

Clique aqui para voltar à página principal

Principais opções do site

Imagem do espectáculo em destaque

flores_em_ti1

Informação do espectáculo em destaque

FLORES EM TI
03 DEZ'21 

Escolha de idioma

PT  |   EN    
PROGRAMAÇÃO
TEATRO
TEATRO | 10 e 11 DEZ 2021
DIÁRIO DE UMA REPÚBLICA
criação Amarelo Silvestre | direção Artística Fernando Giestas (artista associado)| COPRODUÇÃO TEATRO VIRIATO
sex 21h00 e sáb 17h00 | 70 min. aprox. | m/ 16 anos

preço único 7,50€ // descontos não aplicáveis  
local Sala de Espetáculos

NOVAS medidas COVID-19: 
A partir do dia 01 de dezembro, para assistir a espectáculos ou atividades com lugares marcados, organizadas pelo Teatro Viriato, é necessário apresentar certificado digital de vacinação ou comprovativo de teste negativo. + Info


Olhar para ver. Olhar com o corpo todo. Cansar o corpo, caminhando, caminhando, contrariando o que já sabemos, contrariando o que vemos por ver. O que vemos sem querer. Disponibilizar o corpo para olhar por querer. Ter a sensação de que nunca vimos o que estamos a ver.
Fernando Giestas


Que Teatro se fará a partir do que se vê? Num diálogo próximo com Álvaro Laborinho Lúcio, sábio cidadão da República, “Diário de uma República” é um projeto de Teatro e Fotografia enquanto espectadores da vida quotidiana de uma década. Uma reflexão artística sobre o que vão sendo as pessoas e as paisagens de Portugal entre 2020 e 2030. Que Teatro resultará do ato de (nos) vermos realmente? Ver por querer. Sair para ver. As ruas, as pessoas, as casas, as coisas. Fotografar para prolongar o olhar. 

A Justiça será o tema foco da 1.ª edição de “Diário de uma República”, entendida no seu sentido mais amplo: a justiça das leis, das relações, das construções, da natureza, a justiça do nosso próprio olhar.  


+
07 DEZ // ter 12h30 // MEIA DOSE · FORUM VISEU
Momento Amarelo Silvestre

Direção artística Fernando Giestas 
Apoio à direção artística Rafaela Santos 
Fotografia Augusto Brázio e Nélson d’Aires 
Interpretação Carla Galvão Cenografia Henrique Ralheta 
Assistente de cenografia Carolina Reis 
Apoio à dramaturgia e ao movimento Yola Pinto 
Desenho de luz Wilma Moutinho 
Música José Pedro Pinto 
Figurinos Rafaela Mapril 
Colaboração Álvaro Laborinho Lúcio 
Operação de som e projeção Ricardo Loio 
Design gráfico e comunicação Ana Verónica Dias 
Gestão financeira Susana Loio 
Criação e produção Amarelo Silvestre 
Coprodução Cine-Teatro Louletano, Teatro Viriato e Teatro Virgínia


Copyright do site

© 2010 Teatro Viriato - Todos os direitos reservados.   |    SUBSCREVA NEWSLETTER   |   política de privacidade   |   mapa do site   |   contactos   |   perguntas frequentes   |   
menu

Símbolo de site acessível

|  

Site desenvolvido por Seara.com