Bem vindo à página do Teatro Viriato

Clique aqui para voltar à página principal

Principais opções do site

Imagem do espectáculo em destaque

mundo6

Informação do espectáculo em destaque

MUNDO INTERIOR
24 FEV'18

Escolha de idioma

PT  |   EN    
Serviço de Imprensa | Comunicados


MÊS DE MARÇO COM PROGRAMAÇÃO INTENSA E DIVERSIFICADA NO TEATRO VIRIATO


O mês de março no Teatro Viriato inicia-se com a apresentação de Sopro (02 e 03 de março), de Tiago Rodrigues. Um espetáculo onde a protagonista é Cristina Vidal, ponto há mais de vinte e cinco anos no Teatro Nacional D. Maria II. Em palco, irá evocar as histórias ficcionadas e reais de um teatro em ruínas, acompanhada por cinco ilustres atores. Sopro estreou no Festival de Avignon, em França, e contou com a coprodução do Teatro Viriato. Considerados uma referência do rock português, os Mão Morta (17 de março) darão um concerto no Teatro Viriato que irá desvendar um pouco dos novos projetos que a banda planeia para 2018. No âmbito deste concerto, ocorrerá no mesmo dia uma conversa entre a Associação Fora de Rebanho e os músicos Adolfo Luxúria Canibal, Rafael Machado e Miguel Pedro. Já a Companhia Olga Roriz traz a Viseu o espetáculo Síndrome (24 de março), no qual as personagens, após sobreviverem a um ambiente pós-guerra, se tentam encontrar. O que fazer depois da guerra, ou ainda a guerrear dentro de nós, o que fazer, para onde ir? São algumas das questões que surgem nesta peça coreográfica. Quase a encerrar a temporada, a trompetista, improvisadora e compositora, Susana Santos Silva regressa ao Teatro Viriato para apresentar Impermanence (28 de março). Um projeto de jazz, com uma forte ligação com a improvisação livre e o experimental, que culmina num som impermanente e em constante evolução. Este concerto contará com a participação especial de Ana Carvalho, que realizará vídeo em tempo real.

Para além destes espetáculos, a programação inclui ainda a oficina Escrever para Teatro: o quotidiano do homem comum e outras coisas sem importância (03 de março), orientada por Rui Pina Coelho; a viagem sonora e visual pelo universo dos irmãos Grimm, de Tiago Cadete, com o espetáculo Pangeia (07 e 08 de março); o jogo performativo Partituur (11 de março), de Ivana Müller, que tem como objetivo a criação de uma coreografia conjunta; as sessões de Leitura em voz alta de poesia portuguesa (12 a 16 de março), destinadas a alunos do 3º ciclo do ensino básico, orientadas por Rafaela Santos; o projeto Noite Fora (14 de março), que consiste na organização de encontros abertos ao público para a leitura em voz alta de textos teatrais; as oficinas de páscoa Perguntar,… caminho com arte (26 e 27 de março), orientada por Cláudia Sousa, e Lançar (28 e 29 de março), da Companhia Erva Daninha; e a apresentação dos trabalhos de criadores ou coletivos de criadores que frequentaram a primeira edição do PACAP – Programa Avançado de Criação em Artes Performativas do Forum Dança (29 de março), que encerra a temporada. 

 

Copyright do site

© 2010 Teatro Viriato - Todos os direitos reservados.   |    política de privacidade   |   sugira este site   |   mapa do site   |   contactos   |   perguntas frequentes   |   
menu

Símbolo de site acessível

|  

Site desenvolvido por Seara.com